1doce-veneno

Aqui fica a porra do sentimento !


Posted 16 Abril 2014, Há 2 dias1.001 notasreblog this post
(originally a-r-s-e-n-i-c-o • via artigo-de-rua)

gregabbott:

Gus the Dinosaur
and the cotton candy clouds
Available at Society6.
© Greg Abbott
Created (YMD) 2014-04-07.

gregabbott:

Gus the Dinosaur

and the cotton candy clouds

Available at Society6.

© Greg Abbott
Created (YMD) 2014-04-07.


Posted 16 Abril 2014, Há 2 dias3.070 notasreblog this post
(originally gregabbott • via gregabbott)


Posted 16 Abril 2014, Há 2 dias330.370 notasreblog this post
(originally vicforprez • via g-a-la-x-y)


Posted 16 Abril 2014, Há 2 dias52.131 notasreblog this post
(originally anadiploses • via artigo-de-rua)


Posted 16 Abril 2014, Há 2 dias870 notasreblog this post
(originally pekeenapessoa • via artigo-de-rua)


Posted 16 Abril 2014, Há 2 dias19.624 notasreblog this post
(originally marginalizing • via artigo-de-rua)


Posted 15 Abril 2014, Há 3 dias213 notasreblog this post
(originally exemplificar • via princess-from-another-world)

"Sinto sua falta, mas sei lá." Clarice Lispector    (via reincidida)


Posted 15 Abril 2014, Há 3 dias37.343 notasreblog this post
(originally conduzia • via alliwantedwasyouwithme)


Posted 15 Abril 2014, Há 3 dias6 notasreblog this post
(originally 1doce-veneno • via 1doce-veneno)


Posted 15 Abril 2014, Há 3 dias1 notareblog this post
(originally 1doce-veneno • via 1doce-veneno)


Posted 15 Abril 2014, Há 3 dias3 notasreblog this post
(originally 1doce-veneno • via 1doce-veneno)

"Talvez o meu final feliz seja só seguir em frente…" — (via 1doce-veneno)


Posted 15 Abril 2014, Há 3 dias4 notasreblog this post
(originally 1doce-veneno • via 1doce-veneno)


Posted 15 Abril 2014, Há 3 dias8 notasreblog this post
(originally 1doce-veneno • via 1doce-veneno)

"Eu tive um amor
mas foi a dor que me ensinou a ser quem sou…"

Canto Dos Malditos Na Terra do Nunca

(via 1doce-veneno)


Posted 15 Abril 2014, Há 3 dias8 notasreblog this post
(originally 1doce-veneno • via 1doce-veneno)

Em busca do grande talvez 

Eu achava que não podia viver uma mentira. Que a vida não poderia ser assim, feita de tudo bem. Mas e se eu levar tudo como realmente é, se eu deixar que a dor fique estampada em nossas vidas, se eu mostrar o desgaste que ha entre nós dois nada estaria bem. E talvez nada esteja bem mesmo, talvez nós já tenhamos acabado há tempos. Mas talvez e só talvez eu devesse mesmo continuar fazendo de conta que sim, esta tudo bem. Vamos continuar… Nesse labirinto de sofrimento.


Posted 15 Abril 2014, Há 3 diasreblog this post